Quem me define se limita

Porque nem tudo a gente consegue nomear.

Porque sou feita de dúvidas e verdades que nem todos conseguem ler. Porque amo intenso, escrevo suspenso e demonstro no olhar a catarse que sou.

Quem me define se limita, mas porque sou feita de coisas que mudam. Que chegam e vão, que passam achando que em vão. Porque sou feita de nadas que preencho devagar.

Porque sou mais quando sou por dentro, porque guardo comigo um olhar atento e carinhoso. Porque espero ao invés de atacar e ataco ao invés de esperar, porque reflito o que sinto só de escrever.

Porque nem tudo que eu guardo eu sei soltar. Porque o que me livra é justamente o que me prende, sobretudo no amor.

Quem me define se limita, porque diferentes somos mais. Eu sou.



0 Comentários:

Postar um comentário

Agradeço sua visita e espero que tenha gostado. Volte mais vezes!