O controle remoto é seu

Sabe quando alguém joga verde pra saber sobre você? Quando te perguntam algo muito diferente do habitual e você não entende o motivo? Sabe aquelas pessoas que te rodeiam, que te fazem de novela e acompanham tudo que você faz? Passa. Muda o foco e deixa a audiência baixar.



Quando nos deparamos com pessoas tóxicas, a melhor coisa a fazer é ignorar. Muitas vezes, elas nem têm noção de que estão erradas, de que estão atrapalhando. Nesse caso, basta dar um gelo, basta uma boa conversa. Mas, infelizmente, ainda nos deparamos com exagerados. Ainda encontramos durante a nossa caminhada, ou mesmo em um momento relaxado, quem observe todos os nossos passos e transforme a curiosidade em hábito. Ainda encontramos quem goste de saber do nosso dia a dia, da nossa família e mostre o quanto se interessa pelas nossas vidas particulares enquanto sorri.

Há quem diga que só nos observa assim quem deseja ser como nós, o que faz sentido, mas é engraçado como não sabemos lidar com isso quando a pessoa está perto demais. Pode ser alguém da família, uma amiga ou um colega de trabalho. É engraçado como nos afeiçoamos aos outros a ponto de não percebermos quando a recíproca não é mais verdadeira, quando aquela relação se torna secundária. Como deixamos passar comportamentos simples, como olhar atentamente cada item da nossa estante, ou perguntar se vamos ou não fazer aquele curso, o tal que "não deveríamos fazer", porque acreditamos que a pessoa não faz por mal.

Sabe, a questão aqui é reconhecer o desconforto diante daqueles que torcem, discretamente ou não, pra que os nossos passos não sejam maiores do que os deles. É reconhecer que, de vez em quando, precisamos redirecionar nosso conteúdo. Porque, acredite, essas pessoas existem. E por mais que cada um reaja de um jeito, não há nada de errado em deixar passar. Não há nada de errado em tomar o controle. Quando nos deparamos com pessoas tóxicas, a melhor coisa a fazer é ignorar, só que isso também implica em não mostrarmos demais.



Gostou? Para receber os próximos posts, clique em "Participar deste site"!

20 comentários:

  1. Oioi! Tudo bem?
    Você ta certa, a gente deveria ignorar as pessoas toxicas, mas nem sempre enxergamos isso logo de cara.
    E quando as pessoas toxicas sao bem proximas da gente? Acho que depende mto da situação, as vezes, oq ela precisa é de ajuda e vc ignorar ela seria pior.
    Dificil falar sobre esse assunto, foi bom ter escrito para refletir.
    Beijos.

    Livros e SushiFacebookInstagramTwitter

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade, cada um precisa analisar seu lado. Beijos, Suzzy!

      Excluir
  2. Lindo Texto! É horrível ter alguém próximo desejando o nosso mal, mas temos que nos martermos firmes para que isso não nos atrapalhe na nossa trajetória. - Joanna Amaro.

    ResponderExcluir
  3. Oii!
    Amei seu texto, e concordo! Muitas vezes na vida pessoas como essas vão aparecer e só nos cabe aguentar e ignorar, porque elas com certeza não vão durar muito em nossas vidas.

    Vitória, www.vicio-de-leitura.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Exatamente, Vitória! Beijos e obrigada!

      Excluir
  4. Adorei a sua escrita, parabéns! Todo mundo tem por perto pessoas tóxicas e temos que ficar bem ligados mesmo, pois raramente querem o nosso bem. O lance é deixar de lado essas pessoas e tocar com a vida, da melhor forma possível.

    Beijos, Gabi
    Reino da Loucura

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, Gabi! Penso exatamente como você.

      Excluir
  5. Ótimo texto! Adorei. Realmente existem pessoas assim, e as vezes estão bem próximas a nós. Eu mesma reconheci algumas do meu convívio enquanto lia teu texto, infelizmente :/ Gostei do assunto escolhido!
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, Gabi! Volte sempre que quiser.

      Excluir
  6. Inveja é um veneno que nos faz mal. Passamos muitas vezes de vítimas para vilões, porque o invejoso muitas vezes sentem-se ofendidos e fazem cena. Prefiro me afastar do que viver insegura ao lado de alguém.
    Bom texto.
    Abs
    Ni
    Cia do Leitor

    ResponderExcluir
  7. Oie
    nossa, como adoro me deparar com esses textos, ás vezes é tudo que a gente precisa ler, adoooorei e super me identifiquei com algumas partes, belo texto

    Beijos
    http://realityofbooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Oi ^^

    FALOU TUDO!
    Realmente a gente encontra na nossa caminhada muitas pessoas com este perfil. Quando achamos que nos 'livramos' de uma, logo surge outra!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nada que a gente não tire de letra, né? Beijos, Alessandra!

      Excluir
  9. Oi!
    Parabéns pelo texto! Me identifiquei bastante. Infelizmente já aconteceu comigo de eu depositar a minha confiança e amizade numa pessoa e ela só querer discretamente puxar o meu tapete. Hoje em dia sou mais cautelosa e guardo os meus planos só pra mim, só quando os materializo é que torno público.
    Beijos,
    Andy - StarBooks

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, obrigada! Pois é, assim tudo acontece na hora certa. Beijos!

      Excluir
  10. E como há pessoas tóxicas! E se tem algo que me perturba são pessoas me sugando, tentando tirar minha liberdade. Muito legal p texto. É bem isso que você falou mesmo.
    Sabe, hoje eu tenho maturidade de sair de perto de pessoas assim sem causar danos, mas antes, na minha adolescência, era super complicado.

    Beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vivendo e aprendendo. Obrigada pela visita, Nilda! :*

      Excluir

Agradeço sua visita e espero que tenha gostado. Volte mais vezes!